205 views 0 comments

Spec Ops The Line – Critica

by onSeptember 30, 2013
 

Spec Ops: The Line é um game de 3ª pessoa com táticas de pelotão e se passa em Dubai, melhor o que resta de Dubai.

Uma dose da história.
Dubai tem um grande problema com repetidas tempestades de areia causando vários estragos. Uma parte da população resolve sair de Dubai, a outra parte fica acreditando que isso era passageiro e acabam ficando presos. Um comandante que estava no Afeganistão vai ate Dubai para evacuar a cidade mas suas comunicações ficam perdidas. Após alguns meses um sinal é captado onde é descrito as barbáries que aconteceram la. Ai que começa literalmente nossa jornada. A equipe Delta composta pelo Coronal Walker, tenente Adams e o sargento . Com a equipe o coronel terá que cumprir com o seu objetivo: retornar com o coronel desaparecido.

Gráficos.
São bons, o tema te deixa tão tenso que não irá procurar defeitos.

Jogabilidade
Controle e comandas são simples, o personagem pode correr, se defender atras de objetos, portas e a mira e precisa. Você tem o apoio do pelotão. Uma dica use e abuse deles.

Musica
Rock, sim rock e classic rock de primeira. Um dos games com a melhor trilha sonora até hoje.

O game é sen duvida um dos mais violentos e realistas que eu já joguei. Claro que meui cliche 3 homens matando deus e todo mundo. Mas o game trás a guerra que não vimos, onde o povo (civic) viram apenas obstáculos.
Como está no titulo, tive um Dejavu do filme Apocalypse Now, mesmo que o jogo você escolhe o final!

Apoio: